segunda-feira, 7 de abril de 2008

João Patrício

7 de Abril. 9.15. Era grande a ansiedade à porta da BeCre. Os alunos do 5º ano aguardavam a sua vez para ocuparem os lugares no anfiteatro improvisado. Assim que se sentaram, a agitação deu lugar à expectativa e ao silêncio.

O Presidente da Comissão Executiva Instaladora, Professor Jorge Beirão, saudou a assistência, fazendo a abertura oficial da Semana da Leitura e anunciou, com grande pesar, que o Professor João Patrício, por motivos imprevistos, não ia poder estar presente, pelo que, o Presidente se prontificou a contar uma história. Esta arrancou algumas gargalhadas espontâneas que, de imediato, quebraram o desânimo inicial que se instalara na sala.

Terminada esta introdução, a Professora Filomena David preparava-se para prosseguir com uma nova história quando, de súbito, se ouviu um grito abafado: " Abre... antes! Abre... antes que eu morra!! Estou aqui!!"
Perante os olhares surpreendidos dos presentes, desviou-se um placard e eis que um corpo, fechado num enorme saco de pano, tomba no chão. Liberto dos apetrechos que o prendiam, o Professor João Patrício revela-se e dá início à primeira sessão de histórias com "A Lenda de Abrantes".A timidez dos alunos desvaneceu-se à medida que o contador ia solicitando que vestissem a pele das diferentes personagens, tendo desempenhado com aprumo os seus papéis. Até o Professor Jorge Beirão foi convidado a representar o primeiro rei de Portugal, D. Afonso Henriques. A assistência delirou com o traje a rigor: capa da Ordem dos Templários, espada e capacete.

A segunda sessão, com os alunos do 6º ano, decorreu de forma igualmente animada. O Professor João Patrício levou, de novo, toda a assistência a participar activamente no recontar de belas e divertidas histórias: "A Lenda de Abrantes", "O Príncipe Sapo", "O Nabo Gigante", "A Raposa e o Mocho",... Desta feita, o Professor Jorge Beirão e a Professora Conceição Colaço apadrinharam um casamento real.Ninguém suspeitava dos talentos escondidos que, nesta manhã, aqui se revelaram!

O Presidente e a Vice-presidente da Comissão Executiva Instaladora agradeceram a presença de João Patrício e entregaram-lhe algumas lembranças, entre elas, uma placa comemorativa da Semana da Leitura na nossa Escola.

Foi com enorme satisfação que a BeCre e o Departamento de Língua Portuguesa receberam João Patrício que encheu a sala de boa disposição e dinamismo e contagiou os nossos alunos com a magia das histórias tradicionais.

Até à próxima!

1 comentário:

Filomena David disse...

Não restam dúvidas de que foram momentos bem passados. O Contador de Histórias conseguiu, num jogo hábil entre o avivar de memórias e o convite à imaginação, levar os alunos a participar com gosto, em encenações improvisadas, num clima de boa disposição e interacção constante. E que bem que muitos deles se saíram!
Foi uma manhã radiosa, apesar do tempo tristonho.

Filomena David